sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

E as liquidações de começo de ano?

Li em algum lugar que "a promoção é o ópio do pão-duro". A carapuça serviu. Eu sou aquela pessoa que acha que comprar o que quer que seja por uma fração do preço é um ótimo negócio. Ainda que as compras sejam botinha de camurça lilás (verdade), trench-coat jeans (oi?) e calça branca (juro).

A verdade, obviamente, é que tudo que eu comprar por metade ou um terço do valor (sem entrar no mérito sobre se o preço original era aquele mesmo) e não usar é dinheiro jogado fora, não economia. Eu, que adoro as palavras "oportunidade" e "promoção", tenho de ficar esperta.

Em 2012 não vou ter problema com as liquidações de início de ano: não estou comprando nada, ponto. Seria uma boa oportunidade caso eu estivesse precisando de alguma coisa, mas não preciso. Estou perfeitamente equipada para trabalhar, passear e viajar. Já me preocupei ir usar roupas bonitas e coloridas no escritório; hoje não me preocupo. Tenho três calças sociais, quatro pares de sapatos baixos, várias camisas de botão, um monte de casaquinhos (seis, na verdade: esse número precisa ser diminuído urgentemente), tudo sóbrio, confortável e elegante (eu acho).

A irmã I. vem me visitar no fim de semana. Ano passado, ela veio na mesma época e eu a levei para um tour de lojas em promoção (o que resultou na aquisição de um grande número de pares de sapatos). Esse ano ela não corre esse risco.

4 comentários:

  1. Blé, mas se eu for aí vc me leva pra passear em lojas de calçados confortáveis? Os meus dois pares tiveram uma baixa horrível (o Vi adora puxar o enfeite prateado do meu sapatinho azul, até que saiu... blé duplo) Aí vc tem uma sessão nostalgia ;)

    ResponderExcluir
  2. Também, dá para evitar ir a esses lugares, principalmente para quem ainda não está doutrinado no minimalismo. Estou sempre evitando.

    Aproveita e lê Walden, de Thoreau, que tem um capítulo onde o autor conta como e porque viveu com o mínimo lá no final do século 19. Bem interessante.


    ADA

    ResponderExcluir
  3. Oi Lud. E a irmã I. desistiu de vez desta vida 'blogueira'? Também ando fugind um pouco das promoções porque sou dona de jogar dinheiro fora, como vc bem definiu aí a situação de comprar s´´o pq está barato. Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Oi, Dani! Vem sim que eu te levo a lojas de sapatos confortáveis. Prometo!

    Ada, sabe que um amigo me recomendou o Walden do Thoreau há pouco tempo? Tá na minha lista.

    Natalia, pois é, a irmã I. não escreve há um tempão. Vou perguntar a ela se um dia ela volta aos blogues!

    Beijos!

    ResponderExcluir