quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

E os planos começam a tomar forma...


No começo, a gente só sabia que ia. Eu queria estudar e passear, o Leo queria passear e passear, e fomos negociando até chegar a um mínimo denominador comum de interesses.


Agora, depois de muito conversar, concluímos que primeiro a gente vai viajar. Por uns meses. Pela Ásia. De mochila.


Também estou chocada. Admito que sou fresquinha, principalmente para comer. Mas decidi que não vou deixar meus chiliques impedirem minhas aventuras. Além disso, com o minimalismo, tenho me tornado uma pessoa mais simples. Tem banheiro limpo? Partiu.

8 comentários:

  1. Eu não ligo (mais) para comida. Porque você encontra muitas opções por aí, inclusive vegetarianas, que costumam ser mais palatáveis. Mas banheiro limpo você pode e deve exigir do marido, pq na Europa e em outras bandas isso é mais realidade que aqui, acho eu.

    ADA

    ResponderExcluir
  2. Oi, Ada! O problema é que eu não sou muito fã de vegetais (exceção: batata, de preferência frita). Meu paladar é de criança (chata): gosto de arroz, feijão, bife, pizza, sanduíche. Mas estou disposta a encarar o que vier no caminho. Quem sabe eu até gosto?

    Por banheiro limpo, eu quis dizer nos lugares em que a gente vai se hospedar no sudeste asiático. Em casa, o marido faz mais tarefas domésticas do que eu. Quando nos estabelecermos na Europa, vamos nos revezar na limpeza do banheiro (aqui a gente tem faxineira). Estou contando que encontraremos produtos eficientíssimos por lá. Se isso não é verdade, não me contem! =D

    ResponderExcluir
  3. Lud, tá aí uma ótima oportunidade pra vc experimentar novos sabores, novas texturas, ampliar o repertório. Da minha experiência pessoal com comida - que não precisou de uma viagem à Ásia - percebi que, dos vários alimentos dos quais eu não gostava, o problema era tava no preparo. Abobrinha pra mim era um vegetal sem-graça, aguado. Bastou experimentar de uma maneira diferente, que passei a gostar bastante. De berinjela eu só queria uma coisa - distância. Um ratatouille depois, me rendi. E assim tem sido com várias das comidas pras quais eu torcia o nariz.
    Culinárias asiáticas (sim, pq sao muitas e bem diferentes entre si) costumam priorizar o frescor e as cores. Sempre que como comida tailandesa/japonesa/vietnamita, fico surpresa como é possível comer bem (em quantidade e qualidade), sem me sentir estufada depois.
    Bom planejamento e boa viagem!

    ResponderExcluir
  4. Hehe, vc vai ter que experimentar meus pratos tailandeses...
    E vale muuuuito à pena: comida boa, cultura completamente diferente da nossa, paisagens lindas... Comece pelo Japão (imperdível) pra ir se adaptando aos poucos.
    Mas que eu vou ficar com a I. rindo-me à socapa de vc mochilando pela Ásia, ah, isso vou... ;)

    ResponderExcluir
  5. me convida! me convida! pleeeeeeeeeeeease!

    ResponderExcluir
  6. hehehhe e vc acha que vai encontrar muito banheiro limpo na Ásia?
    Já vai se adaptando, por que banheiro limpo pode ser raridade...

    ResponderExcluir
  7. Ai, só de pensar num curry tailandês.... estou salivando.

    ResponderExcluir