segunda-feira, 1 de outubro de 2012

Objetivo: serenidade diante das chateações do dia a dia

O chuveiro de casa queimou. O Leo foi comprar uma resistência nova na hora do almoço. O carro começou a soltar fumaça e teve de ser abandonado momentaneamente.

Parte boa: o carro pifou depois do Leo comprar a resistência. E sobrou no bolso exatamente o dinheiro necessário para pegar o ônibus e chegar no trabalho (2 reais). E o ônibus que chegava no trabalho passava logo ali.

Parte boa 2: o Leo trocou a resistência e o chuveiro ficou melhor do que antes de queimar (às vezes ele passava de muito quente para bem frio meio aleatoriamente).

O Leo é muito tranquilo mas objetos que estragam o deixam bem irritado. Acho que é porque ele tem aquela crença da modernidade de que os mecanismos devem funcionar sempre e indefinidamente. Dessa vez, no entanto, ele levou numa boa: não só não reclamou como fez questão de ressaltar a parte boa da situação.

É aquela coisa: somos seres em construção e aperfeiçoamento, sempre.

6 comentários:

  1. ai, que orgulho! sair do carro em chamas e nao reclamar vale muitos pontos :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não estava bem em chamas, mas de fato essa é uma maneira mais emocionante de contar a história!

      Excluir
  2. Espero que meu noivo um dia chegue nesse ponto de serenidade!

    ResponderExcluir
  3. Lud, eu me irrito muito quando algumas coisas específicas estragam mas de modo geral sou bem tranquila. Antes essas coisas me afetavam mais... aliás, antes quase tudo me afetava mais negativamente, melhorei muito! Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Normalmente sou muito tranquila com esses probleminhas chatos. Porém um barulho na minha geladeira tem me tirado do sério... na verdade não é o barulho em si, e sim a tentativa de conseguir que o tecnico venha fazer uma vistoria. Já marquei a visita 4 vezes (caminhando para a quinta tentativa amanhã). Todas as vezes ele não apareceu no dia agendado e veio no dia seguinte, claro que não tinha ninguém em casa!! Isso realmente está me chateando, espero que amanhã ele apareça e resolva logo o problema.
    Parabéns aos dois que conseguiram manter a calma diante dos incoveninetes consecutivos!

    ResponderExcluir